Rua Silveira Peixoto, 1040 - Sala 902 - Curitiba

saiba mais

Dentes rangendo sem controle? Pode ser bruxismo.

Bruxismo

 

É um distúrbio caracterizado pelo apertar e ranger dos dentes, devido a aplicação de forças excessivas de forma involuntária que pode ocorrer tanto durante o dia quanto a noite. A avaliação de um especialista é fundamental para diagnosticar as possíveis causas e associações que as agrave, utilizando técnicas associadas de tratamento para buscar noites de sono mais agradáveis, ausências de dores musculares diurnas e a manutenção de dentes mais fortes e saudáveis.

 

O que é bruxismo? 

É uma força excêntrica gerada no contato dos dentes superiores com os dentes inferiores de forma involuntária. Devido à sua intensidade (pode ser até quatro vezes maior que a força alimentar), é extremamente prejudicial para dentes e articulação.

 

Quais as consequências do bruxismo? 

Pode afetar os dentes, músculos ou a articulação (ATM). Nos dentes, pode gerar dores que levam ao “tratamento de canal” e ou um acentuado desgaste. Nos músculos pode causar uma sobrecarga a qual dá origem aos pontos de gatilhos miofasciais (trigger points), os quais dão origem a dores referidas (ou seja, em locais diferentes da localização primária deste ponto). Na articulação (ATM), o bruxismo causa micro traumas intra-articulares, levando a processos degenerativos ósseos, como a osteoartrite e a osteoartrose.

 

Quais os sintomas do bruxismo? 

Barulhos; desgaste dentário; dores nos dentes, na face, cabeça e pescoço.

 

Curiosidades sobre o bruxismo

  • Envelhece o sorriso. Isso acontece quando o bruxismo provoca alteração no formato e tamanho dos dentes, os quais ficam quebradiços, desgastados e pequenos;
  • Leva a morte do “nervo” que fica dentro do dente (polpa dentária). Se a força causada pelo bruxismo estiver concentrada em um dente, por ser muito intensa e ocorrendo repetidas vezes, pode levar a morte das células vivas que estão no interior do dente (polpa dentária), necessitando de um “tratamento de canal” mesmo o dente não tendo cárie e estando totalmente hígido;
  • Causa fragilidade nos dentes. Por isso, muitas pessoas quebram os dentes, as restaurações ou as próteses comendo algo mole e até mesmo sem comer, apenas relatam que quando perceberam o dente já estava quebrado;
  • Pode causar danos aos tecidos que sustentam o dente. A força realizada no bruxismo é muito intensa e, por isso, pode causar perda no osso que segura o dente e também gerar alteração da altura da gengiva, em alguns casos chegando a provocar mobilidade no dente;
  • Causa dores musculares. Durante o movimento realizado no ranger e apertar dos dentes, vários músculos da face e do pescoço são sobrecarregados e por isso podem gerar dores musculares em diferentes regiões;
  • Pode causar dores que são confundidas com dor de ouvido. Próximo do ouvido existe uma articulação chamada Articulação Temporo Mandibular (também conhecida como ATM) a qual fica sobrecarregada quando ocorre o bruxismo, gerando dor. Porém esta dor articular é frequentemente confundida com dor de ouvido, devido a proximidade entre eles.

Bruxismo diurno

Geralmente não ocorre o ranger, mas sim o apertar dos dentes enquanto a pessoa se encontra em sua rotina diária, nem percebendo que está praticando essa ação. Normalmente, está relacionado a momentos de tensão, concentração e atividades físicas.

 

Quando ocorre o bruxismo diurno? Algumas pessoas depois de orientadas, começam a observar sua rotina e descobrem o porquê estão apertando os dentes em diferentes situações do dia a dia: quando estão mais nervosas, praticando esportes, utilizando o computador, montando quebra-cabeça, jogando vídeo game e até mesmo brincando com animais de estimação.

 

Bruxismo noturno

É uma atividade inconsciente de ranger ou apertar os dentes, com produção de sons, enquanto o indivíduo encontra-se dormindo. Alguns sintomas caracterizam o bruxismo noturno: dor de cabeça ao acordar, dores nos dentes que diminuem de intensidade durante o dia, cansaço nos músculos da face e do pescoço, dores na região anterior ao ouvido, sonolência diurna e, principalmente, o ruído característico do ranger de dentes.

 

Quando ocorre o bruxismo noturno? A maioria das pessoas que rangem os dentes à noite não percebem e muitas vezes quem está ao seu lado não escuta o barulho dos dentes rangendo, dificultando a identificação do problema.

Compartilhe

Relacionados

Você sabe como funcionam os tipos de implantes? Aprenda aqui!

A melhor opção para repor um dente perdido é através de um implante dentário. O implante é a peça não visível que fica no lugar leia mais+

Curiosidades sobre o clareamento dental

Que tal conhecer uma versão mais bela dos seus dentes? O clareamento é um dos procedimentos de saúde bucal cada vez mais procurados nos consultórios. Essa busca leia mais+

Apneia é um assunto sério, mas não se preocupe, há tratamento!

A apneia do sono é caracterizada por ruídos e interrupções na respiração que se repetem, no mínimo, cinco vezes num período de 60 minu leia mais+
Veja todas as experiências

Solicite um horário

Da prevenção ao acompanhamento, nosso comprometimento é com o ser humano. Conheça os tratamentos odontológicos oferecidos pelo Consultório Odontológico Dra. Elisângela Dallazen.

Horários de atendimento:

Seg. à Sex. das 9h às 18h

Preencha o formulário ao lado para solicitar o melhor horário para você e iremos entrar em contato para fazer a confirmação.